Em decorrência do ano eleitoral de 2024, bem como a Lei Federal nº 9.504/1997, que estabelece normas gerais para eleições e determina as condutas vedadas aos agentes públicos, configurando algumas condutas como abuso de poder, bem como a infringência ao art. 37, §1º da Constituição Federal, as notícias deste site estão desabilitadas até o fim do período eleitoral.

Funpapa vence gincana cidadã de doação de sangue promovida pelo Hemopa

Doar sangue é um ato de amor. Disso todos sabem. Para somar esforços, ou melhor, braços, a Fundação Papa João XXIII (Funpapa) abraçou a causa participando da Gincana Instituição Cidadã – Todos doando sangue promovida pela Fundação Hemopa.

A Funpapa foi a instituição vencedora da gincana por ter sido a que mais enviou doadores. Nesta quarta-feira, 14, o presidente da Fundação, Alfredo Costa, acompanhado das diretoras Sandra Valente e Nazareth Sampaio receberam o certificado das mãos do presidente do Hemopa, Paulo Bezerra. A Companhia de Desenvolvimento e Administração da Área Metropolitana (Codem) ficou em segundo lugar na campanha e a Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana (SeMOB), foi o órgão terceiro colocado.

A ação fez parte da programação em alusão a campanha Junho Vermelho/2021, promovida para sensibilizar a comunidade sobre a importância para a doação de sangue, ainda um grande desafio.

A gincana foi desenvolvida para envolver os órgãos do município de Belém. Assim, cada secretaria fez sua mobilização interna para motivar os servidores e servidoras a irem doar.

Na Funpapa foi realizado um trabalho de orientação e divulgação com cards ilustrativos acerca da campanha e chamadas nos canais internos para que se pudesse atingir esse resultado.

Hemopa agradece a disponibilidade dos servidores municipais

Os secretários das instituições vencedoras participaram da cerimônia de certificação realizada no prédio do Hemopa, no bairro da Batista Campos e contou com os agradecimentos do presidente, Paulo Bezerra. Ele fez questão de reiterar sua gratidão por cada doador conseguido e pelo empenho de cada secretaria da Prefeitura Municipal de Belém.

Muitos servidores compareceram ao Hemopa, mas por questões de saúde não puderam doar, como foi o caso da psicóloga da Funpapa, Andrea Mendes, que canalizou suas energias trabalhando para estimular outros colegas a doarem sangue.

“Todos ganham quando uma campanha como essa é abraçada, e mais ainda por ter uma finalidade extraordinária, que é de salvar vidas. Isso nos traz um sentimento de contribuição para com o próximo” declarou Alfredo Costa.

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), cada voluntário pode doar cerca de 400 ml de sangue por doação e, com isso, pode salvar até quatro pessoas. Sem qualquer risco à saúde a doação pode ser realizada até três vezes por ano por mulheres e até quatro vezes por homens.

A doação de sangue é um ato de disponibilidade, traduzido por aqueles que recebem como um imenso ato de solidariedade. “A todos que doaram o nosso muito obrigado, em especial aos nossos servidores e servidoras que não mediram esforços” agradeceu o presidente Alfredo Costa.

Texto:
Maura Carvalho

Redes Sociais

PAA site